quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Por Um Dia, o Anjo da Vida













Conto: POR UM DIA, O ANJO DA VIDA
Autor: Sidney Santborg

De repente, estava sobrevoando uma cidade desconhecida...
Resolvi descer um pouco mais para observar cada pessoa daquele lugar.
Rapidamente senti algo passar por mim em alta velocidade...
Assustei-me um pouco, por ter passado tão próximo a mim.
Mas o que passou nem me notou...
Continuei o meu caminho bem lentamente flutuando sobre a avenida.
E logo avistei o que passara por mim... Tinha acontecido algo.
Fui me aproximando e quando avistei aquela aglomeração é que percebi...
Tinha alguém ali que não estava bem... Podia sentir a dor que aquele jovem sentia.
Como em uma conexão de pensamentos, ele me pedia ajuda.
Nos olhos existia o medo... E as lágrimas rolavam pelo seu rosto.
O desespero lhe afligia a alma...
Resolvi me aproximar um pouco mais; e logo sem que me notassem.
Atravessei toda aquela barreira de curiosos a sua volta.
Já estava a sua frente e ele me olhava fixamente, ninguém dizia nada, só esperava...
Em pensamentos me pediu que não o levasse... Assustado, eu não entendi...
Olhei para o lado, vi a sua moto despedaçada e seu capacete dividido ao meio...
Ele repetiu com uma voz trêmula... Tenho uma filha pra criar...
Pensei de imediato que o pobre rapaz estava delirando... O que ele acha que sou?
Tentei segurar sua mão para confortá-lo e não consegui...
Eu estava como uma figura translúcida.
Novamente olhei para seu rosto e ele agonizava...
Busquei alcançar sua face e de súbito senti algo...
Uma energia passava do meu corpo para o dele.
Senti meus ombros erguendo-se e asas em mim apareceram...
Não conseguia compreender tal fato... Mas naquele momento sabia como proceder...
Como um lençol branco minhas asas o envolveu...
Fechei os meus olhos e algo aconteceu... Luzes, muitas luzes...
Brancas luzes nos cobriram, como holofotes em nossa direção.
Nunca consegui saber de fato o que ocorreu...
Nunca estive naquele lugar... Mas certo dia...
Estava eu andando pela rua, quando do nada me apareceu.
Aquele jovem com um sorriso aberto, veio ao meu encontro e agradeceu.
E disse: não é pra entender é pra aceitar. Deus capacita os escolhidos...

Imagem retirada:
imaginescomliamniallharrylouiszain.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

EU APOIO!

Vídeos referentes a Sidney Santborg

Loading...