quinta-feira, 25 de abril de 2013

Quando Surgem as Borboletas?



Texto: QUANDO SURGEM AS BORBOLETAS?
Autor: Sidney Santborg

Certo dia, eu ouvi um comentário.
Alguém dizia, tenha um jardim preparado.
Porque elas surgem e vão querer ver as cores.
Nada melhor que um mar de flores.
Pois o grande segredo é cuidar do seu jardim...
Aquelas palavras ficaram em minha mente.
Se isso é bom para elas, eu fico imaginando-as para mim.
Busquei então encontrar as melhores sementes.
Preparei a terra e em belos vasos a coloquei.
Em um dia de sol plantei as sementes e as reguei.
Fiquei a esperar para vê-las germinar...
Todos os dias eu estava lá, olhando o milagre acontecer.
Não queria perder nada, queria ver a esperança nascer.
Os primeiros fios verdes na terra preta alegrou meu coração.
Sim, a esperança estava nascendo trazendo luz à escuridão.
Começava uma feliz perspectiva para um novo mundo.
As plantinhas cresceram e poucos dias depois as flores.
Mas quando chegarão as borboletas?
Esperava ansioso por aqueles seres iluminados.
Que em algumas culturas é vista como transformação.
Símbolo de mudança, crescimento e evolução.
De repente, vi meu jardim ser atacado por uma praga de lagartas.
Bicho horrível que logo tratei de exterminá-lo...
Não conseguia compreender o que acontecia com o meu jardim.
Cuidava, tratava e as borboletas não apareciam...
Certo dia eu estava sem sono e fui ver as flores.
Vi um tipo estranho de borboleta, camuflada dentro das plantas.
Fiquei feliz, mas logo me veio a decepção, era uma mariposa.
Querendo enganar meu ansioso coração...
Não quero mais confundir mariposas com borboletas!
Elas são fingidas e vivem camufladas buscando se esconder.
Rapidamente tirei-a do meu Jardim do Éden...
Tentei tirar a tormenta da minha mente e busquei me acalmar.
E por alguns dias esqueci o jardim e em paz pude descansar...
Esqueci-me de tudo, até de mim, mas o destino me surpreendeu.
Das lagartas que tentei exterminar uma sobreviveu...
E depois de alguns dias ela surgiu como uma linda borboleta.
Conto de fadas? Não, apenas uma lição para um ansioso coração.
Porque o amor surge como as borboletas, quando menos se espera.

Imagem: http://crasgomes.blogspot.com.br/2012/04/mulheres-interessantes-nao-sao.html

2 comentários:

  1. O Sidney
    Seu personagem não sabia da transformação de lagarta em borboleta e quase acabou com seu jardim, mas uma ficou para provar que a vida renasce em qualquer lugar.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dorli (Lua Singular),

      Pois é... As vezes estamos esperando tanto por um resultado rápido e da forma desejada e acabamos por perder a oportunidade de ver o inicio da transformação. Que nem sempre é da forma que imaginamos, começa de uma forma e de repente surpreende. No caso, a lagarta transformou-se e renasceu para uma nova vida, de forma inesperada, ela surgiu como uma borboleta trazendo o encanto e mais vida ao jardim. Bjs!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

EU APOIO!

Vídeos referentes a Sidney Santborg

Loading...